Programação Artística

Mais informações em breve

Programação Pedagogica

Mais informações em breve

21º Simpósio Paranaense de Educação Musical

"A formação do educador musical na licenciatura"
30/07 a 01/08
 

38º Festival de Música de Londrina

16 a 28 de Julho de 2018

O Festival de Música de Londrina firmou-se , ao longo de quase quatro décadas, como um dos eventos mais importantes da agenda cultural do país. Sua 38ª edição será realizada de 16 a 28 de Julho de 2018. Teremos cursos de uma semana e duas semanas de duração, oficinas e palestras.

Com propostas inovadoras na diversidade de cursos e em todas as atividades oferecidas, o festival cumpre sua missão de proporcionar a todo e qualquer cidadão a oportunidade de participar do evento independente de seu nível.

Além das ações formativas, acadêmicas, científicas e da estrutura pedagógica já intrínsecas ao festival a Programação Artística de alto nível, proporcionando ao público da cidade e região apresentações artísticas diversificada, atingindo um público direto de 30.000 pessoas de todas as idades e classes sociais e indireto incomensurável através da Rádio UEL FM, rádio da Universidade Estadual de Londrina.

MOSTRA NACIONAL E LONDRINA - Com a participação de renomados professores, instrumentistas e grupos reconhecidos no Brasil, esta mostra objetiva proporcionar ao público de Londrina e região acesso a apresentações das mais variadas formações, longe dos grandes centros e capitais, possibilitando a inclusão de novos públicos e ativação de novos circuitos culturais.

Nesta 38ª edição, o FIML, em parceria com o curso de Música da Universidade Estadual de Londrina (UEL), realizará também o 21º Simpósio Paranaense de Educação Musical (SPEM) , convidando pesquisadores, estudantes, profissionais e interessados na área de Educação Musical para refletirem a respeito das diversas faces da educação presentes no cenário brasileiro. Com o tema "A formação do educador musical na licenciatura" a previsão de data para a realização do SPEM é de 30 de Julho a 01 de Agosto.

Depois do silêncio, o que mais se aproxima de expressar o inexprimível é a música. Aldous Huxley